Construção de Curvas IDF

Super planilha para traçar curvas IDF, em função de dados de precipitação.

R$399,90

121 em estoque

121 em estoque

Download Instantâneo mediamente a confirmação de pagamento

Rever

    Apenas clientes logados que compraram este produto podem deixar uma avaliação.

    Requisitos mínimos para utilização das planilhas

    Construção de curvas IDF

    Você não vai encontrar uma planilha tão completa que projeta uma IDF em questão de segundos

    Uma das maiores dificuldades no projeto de engenharia de hidráulica é ter dados de chuva para dimensionar as obras. Porém, mesmo havendo dados de precipitação, muitas vezes a escala (diária) não tem sentido para obras de enchente.

    Portanto é necessário desagregar essas chuvas. As curvas IDF (Intensidade-Duração-Frequência) são, desse modo, extremamente aplicáveis para se projetar obras hidráulicas.

    [purchase_link id=”9612″ text=”Como obter os parâmetros de uma Curva IDF?” style=”button” color=”blue”]   Curva IDF

    O problema está em construir essas curvas IDF…

    Primeiro que é necessário entender um pouquinho sobre estatística. Sim, são as curvas IDF são ajustes matemáticos a dados observados que servem para se construir extrapolações estatísticas. Isto é, quando não há tantos dados, é necessário extrapolá-los para valores extremos via curvas de distribuição de densidade de probabilidade. Extrapolamos para valores extremos pois são esses que justamente usamos nos projetos.

    Por que precisamos fazer isso?

    Suponha que há apenas 10 anos de dados disponível e portanto 10 valores máximos diários de chuva. Você pode pensar que esta fazendo um ótimo trabalho se pegar o maior evento de chuva desse período e usar para calcular seu canal. A chance do evento mais extremo é de 1 (uma) a cada 10 (dez) ou seja, 10%.

    Porém você vai lá no manual de macrodrenagem da cidade e percebe que eles recomendam 50 anos de tempo de retorno. E agora, como estimar uma chuva que se repete a cada 50 anos se eu só tenho 10 anos de dados?

    É aí que vem as extrapolações … Elas servem para – baseadas nos dados observados – projetar valores de chuva que vão além dos dados observados. Algumas obras são projetadas para chuvas deca-milenares (10.000 anos) e obviamente não há 10.000 anos de dados para fazer o estudo. Essa é a importância dos ajustes de probabilidade!

    Dessa maneira fica claro que o traçado da curva é função do ajuste probabilístico utilizado, que, na planilha, podem ser os seguintes:

    1. Ajuste Normal
    2. Ajuste de Gumbel
    3. Ajuste Log-Normal
    4. Ajuste Log-Pearson tipo III

    Aqui nessa página de vendas eu não vou entrar no mérito de cada um mas cada um deles tem suas peculiaridades e equações típicas.

    Tudo bem Marcus, tem que fazer extrapolações, mas é só isso?

    Não, na verdade uma vez escolhido o ajuste, você terá apenas dados diários de precipitação. Eis ai que entra os coeficientes de desagregação. Esses coeficientes transformam valores diários em sub-diários (minutos, horas …). Assim, você pode obter esses valores para cada risco ou tempo de retorno adotado e também para cada duração adotada

    E qual o resultado final dessa desagregação para cada tempo de retorno?

    As curvas IDF! Elas são aplicáveis em diversos projetos de engenharia hidráulica e hidrologia.

    Foram 6 meses preparando esse material

    Eu, juntamente com meu parceiro Engenheiro Pedro Braga, colega de departamento de Engenharia Hidráulica e Saneamento pela USP São Carlos, desenvolvemos esse conjunto de ferramentas devido a uma grande demanda que todos os dias  novas pessoas vinham me solicitando por e-mail.

    Por fim, digo, aproveitem o preço promocional e tirem todas suas dúvidas conosco! [purchase_link id=”9612″ text=”Como obter os parâmetros de uma Curva IDF?” style=”button” color=”blue”]

    DE R$ 600,00 por apenas R$ 400,00

    ▼   Ebook Gratuito

    ▼   Ebook Gratuito

    Nossa missão é automatizar cálculos de engenharia e fornecer produtividade para Engenheiros, Arquitetos, Tecnólogos e profissionais da área.

    Eng. Marcus Nóbrega

    Idealizador do projeto Engenheiro Planilheiro

    Precisa de ajuda?